SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número37PrólogoBizancio índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

  • No hay articulos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Bookmark


Cuadernos del Centro de Estudios en Diseño y Comunicación. Ensayos

versión On-line ISSN 1853-3523

Resumen

PERESAN MARTINEZ, Andrea. Antigüedad. Cuad. Cent. Estud. Diseño Comun., Ens. [online]. 2011, n.37, pp. 13-29. ISSN 1853-3523.

O tratamento do interior nos edifícios de culto durante o período conhecido genéricamente como Antigüidade teve transformações cujos origens são tanto a participação da sociedade nos ritos sagrados quanto as diferentes tradições culturais sobre o espaço que foramse desenvolvendo nas etapas formativas da era. O Partenão - Atenas, s. V a.C - foi construído como casa e para honra de Atena, não pensado para ser percurso mas como máxima oferenda; a concepção estética e racional do espaço impôs magnificência exterior e perfeição proporcional. O Panteão - Roma, s. II d.C. - é um símbolo do projeto constructivo romano que uniu sua própria tradição constructiva, baseada na expansão do espaço interior, com o vocabulário formal grego, transformando os elementos arquitetônicos em elementos de seu desenho. A primeira Basílica de São Pedro - Roma, 324 d.C - é um exemplo de edificação monumental pensada para reunir à nova comunidade cristã, cuja distribução espacial unidireccional se subordina à presença do altar.

Palabras llave : Abside; Antigüidade; Arquitrave; Basílica Paleocristã; Cúpula; Design de Interiores; Frontão; Grécia; Ordens; Panteão; Partenão; Roma; São Pedro; Templo; Trilítico.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · pdf en Español